Prefeitura Municipal de Caxias > Educação > Inclusão dos apenados e ex-apenados é tema de encontro promovido pela Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de Caxias-MA

A Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de Caxias (SEMECT) apresentou na manhã da última sexta-feira (07/07) no auditório da Prefeitura “As contribuições da equipe multiprofissional na inclusão do apenado e ex-apenado na educação inclusiva da rede municipal de Caxias”.

Estiveram presentes autoridades civis, judiciárias, familiares, além da equipe que promove a reinserção dos mesmos na sociedade. Durante a apresentação do projeto, estiveram presentes os representantes do Data Folha e Instituto Innovare que avaliarão a experiência inclusiva desenvolvida em Caxias.

“Este evento é um trabalho voltado para a inclusão do apenado e ex-apenado. Esse trabalho foi iniciado em 2005. Existia um trabalho voltado para a CCPJ. Nós temos o setor multiprofissional que trabalha com a inclusão social. Este grupo está aqui apresentando esse trabalho junto ao Instituto Innovare e o Data Folha, em forma de trabalho a ser questionado, para saber se vale um prêmio”, explicou Ana Célia Damasceno, secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de Caxias.

Segundo a coordenadora e autora do projeto que foi enviado ao Instituto Innovare, a demanda de jovens que já passaram pelo sistema prisional precisam de oportunidades, o que revela a grande responsabilidade das ações desenvolvidas pelo setor da SEMECT. Atualmente o setor atende 1800 alunos.

“Nós atendemos alunos na Educação de Jovens e Adultos, na educação fundamental e educação infantil em toda a rede do município. O projeto veio reforçar a contribuição na questão da inclusão do jovem apenado. Não só jovem, mas qualquer idade em toda a nossa rede”, disse Maria de Fátima, coordenadora de Inclusão do Apenado na SEMECT.

“Essa ação é importante para incluir os apenados e ex-apenados na educação de jovens e adultos na rede municipal de Caxias porque nós visualizamos que essa demanda é excluída da nossa sociedade, ela precisa de oportunidade para se ressocializar no município”, expressa Francisca das Chagas, coordenadora do setor de Inclusão do Apenado na SEMECT.

A secretária Ana Célia Damasceno lembra que um dos objetivos desse projeto junto aos apenados é poder chegar ao ponto de existir uma sala de aula dentro da CCPJ em Caxias.

“São trabalhos de formação e inclusão, estamos tentando incluir na unidade prisional uma sala de aula. Nós queremos chegar a esse ponto. Nós atendemos pessoas que estão cumprindo medidas de ressocialização e são alunas da rede municipal, então por isso, estamos fazendo a formação de professores para que eles possam saber como trabalhar com esses alunos” ressaltou Ana Célia Damasceno, secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de Caxias.

Confira mais fotos: